sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

Quanto mais escolaridade maior as chances de conseguir emprego

No início do ano traçamos muitos planos e entre eles sempre colocamos “melhorar a vida financeira”, muitas vezes sonhamos com empregos e salários melhores, mas poucas vezes nos preocupamos em nos especializar em uma área ou fazer cursos complementares que nos diferencie no mercado de trabalho.
Uma pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV) faz uma analise dos impactos sobre os salários e a empregabilidade individuais de investimento em anos a mais de educação. Segundo essa pesquisa uma pessoa com curso superior completo tem mais de 80% de chances de conseguir um emprego e em média ganha R$ 1.728,15 (dependendo da profissão). Já uma pessoa somente com ensino médio recebe em torno de R$ 827,41, analfabetos ganham cerca de R$ 392,14.
Em seu site a FGV disponibiliza essa pesquisa completa e ainda traz um programa simulador onde você preenche a carreira desejada, a área onde pretende trabalhar e o nível escolar e consegue obter qual seria o seu salário naquela função.
Além disso, eles disponibilizam um quadro com as 200 profissões com melhores salários para auxiliar as pessoas a escolherem uma carreira promissora.
O ano está apenas começando e muitas universidades e escolas profissionalizantes estão com inscrições abertas, para realizar esse desejo de aumentar a renda vale a pena se inscrever em algum curso e investir num futuro promissor.
Algumas prefeituras oferecem cursos profissionalizantes gratuitamente e também possuem órgãos para recolocação profissional para quem começou o ano desempregado ou pretende mudar de emprego.
O que vale mesmo é aproveitar esse período para pensar no que realmente precisa ser mudado, traçar um plano dizendo onde você deseja chegar profissionalmente o que é preciso ser feito para chegar ao alvo. Muitos profissionais de consultoria ensinam que com um plano estratégico desenhado em um papel fica mais fácil se ter noção do que é necessário realizar para cumprir suas metas seja financeira ou em qualquer outra área.
Segundo o simulador do site www.fgv.br/cps/iv eu devo ganhar em torno de R$ 1.313,61 no programa geral, no simulador com profissões não tem jornalismo, mas na revista Gloss desse mês está dizendo que um profissional de jornalismo ganha em média R$ 2.761,00 se não me engano.
Estou perto da primeira opção...almejando a segunda.

3 comentários:

Paulão Fardadão Cheio de Bala disse...

ah, eu nem tchuns...

Heitor Nogueira disse...

Os valores mostrados por essas pesquisas nem sempre sao exatos!
Se prender muito a valores, nem sempre é bom!
Mas à luta!
flw!

Lidianne Andrade disse...

mas nem sempre isso é garantia de conseguir emprego, sabia???
eu mesmo sou universitária e to por ai nerdando em busca de emprego...