terça-feira, 30 de novembro de 2010

Você sabe gastar?

Essa pergunta é curiosa, pense bem antes de responder!
Não quero saber se você pode, e sim se você sabe. Porque tem muita gente que tem muita grana e que não sabe gastar e outras que ganham menos, mas tem uma consciência do que pode ser gasto e do que tem que ser poupado.
Então, já começo esse post dizendo que não importa o que você ganha e sim como você gasta.
Fiz um curso na ACSP destinado a jornalistas para nos ensinar como tratar de economia para a classe D/E. Enquanto todo mundo corre atrás do dinheiro da classe C, pouca gente se preocupa em falar com quem realmente sabe como gastar.
As informações do curso foram surpreendentes. E até explicam porque a tal da nova classe média é tão endividada. Teve um dos palestrantes que chegou a conclusão de que o lugar de gente feliz não é o Pão de Açúcar, e sim a rede D’avó de Supermercados.
Acho pertinente falar disso nessa época do ano quando o consumo cresce de forma significativa. Esses dias estive cara a cara com uma jovem que tinham acabado de estourar dois cartões de crédito. Ela ficou tão assustada que começou a tremer e até esqueceu a senha do cartão de débito. Pobrecita!!!!
Isso é falta de educação financeira. Volto a dizer que não importa a quantidade de dinheiro que você tenha e sim a forma como você gasta. Infelizmente esse tipo de ensinamento a gente só aprende na marra, quando é informado pelo atendente de que o cartão não foi aceito, ou que o cheque foi devolvido, ou então quando recebe aquela cartinha cinza do SPC ou Serasa.
No Brasil só contamos como dívida as contas que atrasam, quando na verdade a compra a prazo também é um dívida. Sabe aquele carnezinho do carro que você financiou? Ele até pode estar em dia, mas é uma dívida e geralmente é uma loooonga dívida.
Tenho outra história sobre carnês: uma senhora quase faliu com carnês de lojas de departamento, em um mês ela fez mais de 65 compras em uma dessas lojas. Não disse que ela comprou 65 peças e sim 65 vezes. Ela entrou e saiu da mesma loja mais de duas vezes por dia durante aquele mês. Um descontrole só!!
São pessoas descontroladas que acabam gastando mais do que podem.
Se você tiver essa síndrome de Becky Bloom, siga algumas regrinhas antes de torrar todinha a parcela do 13º que você ainda nem recebeu:

$ Mantenha uma planilha de gastos;
$ Faça a conta do que você já tem a pagar antes de sair às compras;
$ Sempre saia com uma lista do que realmente é necessário;
$ Pesquise preços;
$ Saiba quantas horas você vai ter que trabalhar para pagar aquela bolsa linda que você tanto quer; (divida o valor do seu salário pelos dias do mês, depois divida pelas horas que você trabalha)
$ Sempre poupe uma parte de suas remunerações para casos de emergência;
$ Controle seus impulsos.

Para ver: Delírios de Consumo de Becky Bloom
Você sabe gastar? Faça o teste

Nenhum comentário: