segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Solteira, sem filhos – PARTE 2

SALA DE SELEÇÃO:
Estado civil?
Solteira.
Tem filhos?
Não.
Quem bom!
ô.O

Uma vez eu consegui um emprego temporário para cobrir as férias de uma secretária escolar e era bem no começo do ano, formando turmas para todas as séries desde o ensino infantil até o ensino médio.
Devido ao grande número de novos alunos a dona da escola teve que recrutar novos professores e eu presenciei algo incrível: ela dispensa todos os profissionais que eram casados. A justificativa era que, quem tem família não pode se dedicar muito para o trabalho.
Anos depois eu vejo como estar solteira e não ter filhos pode ser bom para quem quer e precisa investir na vida profissional.
Ok, eu sei que você, caro leitor, deve estar achando que eu sou louca! No último texto eu falei sobre a frustração de não ter família e agora estou dizendo que isso é bom.
Mas é bom mesmo.
Quer dizer, é bom e é ruim.
Ruim pelo fato de se sentir sozinha no meio da multidão. E bom por ser livre para andar junto com a multidão.
Enfim, sei que essa liberdade facilita a vida de quem precisa terminar os estudos, fazer uma especialização, ou aceitar um emprego em outra cidade (estado e até mesmo país), ou trabalhar em horários malucos que acabaria com qualquer casamento. Aliás, quem nunca leu uma notícia sobre uma separação cujo motivo era incompatibilidade de agenda?
Eu conheço muitas pessoas que trabalham em turnos muito longos e não tem tempo para cuidar da sua própria casa. É triste ver que tem filhos que gostam mais da empregada do que dos pais.
Por outro lado, você solteiro, e sem filhos, pode topar essas oportunidades sem se preocupar. Sem contar que você pode aproveitar para viajar e conhecer o mundo.
Tenho uma amiga muito querida que é solteira e não tem filhos. Ela completou 30 anos esse ano e como presente de aniversário foi “mochilar” pela Europa. Se ela tivesse uma família talvez essa viagem não aconteceria.
Em vez de se desesperar pelo tic-tac do relógio biológico, aproveite para fazer tudo que você quer enquanto você ainda tem tempo. Aproveite para investir em você, juntar uma grana, realizar seus sonhos, fazer loucuras, enfim... curtir a solteirice!

(É isso que sempre me dizem) #ficaadica

3 comentários:

Brian disse...

Aí amiga, adorei sua linha de pensamento, está certíssima! Eu casei e tenho muitos sonhos ainda a realizar, mas o fato de estar casada vai me fazer adaptar algumas coisas, portanto aproveite mesmo a solterice. Não faça como algumas solteiras recalcadas que ao invés de aproveitarem essa liberdade de modo sadio ficam lamentando o fato de não terem uma pessoa, como se isso fosse td na vida..

Enjoy the life!

bjsss

Sonhador disse...

Parabens pelo artigo: Vista o meu www.saudedferro.blogspot.com

ABRAÇOS

Taty Lu disse...

Bebeta, obrigada pela lembrança no Blog. Gostaria de ser como vc extravazar sem máscaras no mundo 2.0.